OpenSource_KeePass

As Senhas e a dificuldade em memorizar as mesmas leva-nos à aplicação open source de que iremos falar. O KeePass é um “armazenador” de senhas.
Isto permite que possamos com segurança (q.b.) termos uma senha diferente para cada site/serviço que usamos e mais importante que isso ter essa informação sempre acessível a partir de um computador ou mesmo de um smartphone. Desenvolvido por Dominik Reichl esta aplicação usa uma espécie de base de dados para guardar as nossas senhas que por sua vez se encontra cifrada com uma senha “mestre” usando os melhores algoritmos de cifra atualmente conhecidos - o AES e o Twofish.

Esta ferramenta open source pode ser descarregada deste link.

Existem duas versões para Windows, a 1.xx que se encontra atualmente na 1.29 e que é totalmente escrita em C e existe a versão 2.xx que se encontra atualmente na versão 2.29 e que é escrita em C#.

O autor não desenvolve as versões para outros tipos de dispositivos mas existem para: PocketPC, Windows Phone 7/8.1, Android, iPhone, Mac OS X, Chromebook, Blackberry, Browser, Linux, Palm OS e J2ME. Os links para estas versões encontram-se também disponíveis no site do Keepass.

OpenSource_KeePass_screenshot

Esta ferramenta embora tenha um objectivo bastante concreto encontra-se cheia de funcionalidades:

  • Segurança Forte.
  • O Keepass usa o AES - Rijndael e o algoritmo Towfish para encriptar as bases de dados.
  • Toda a base de dados é encriptada.
  • É usado o algoritmo de hash SHA-256 para a senha mestre.
  • Proteção de senhas em memória.
  • Os controlos edição do Keepass estão protegidos do Sistema Operativo.
  • A senha mestre é apresentada num desktop seguro.
  • Múltiplas Chaves de Utilizador
  • Uma senha mestre desencripta a base de dados completa.
  • Alternativamente podem ser usados ficheiros cujo conteúdo serve de chave.
  • Podem ser combinados ambos os métodos.
  • Transportável e sem necessidade de instalação
  • O Keepass tem tudo o que precisa para ser executado fazendo dele transportável.
  • O Keepass 1.xx requer apenas o GDI+ (apenas necessário para sistemas anteriores ao XP).
  • O Keepass 2.xx requer o Microsoft .NET ou o Mono.
  • Existem ports para outros sistemas como referido anteriormente
  • Exportação da informação para outros formatos como TXT, HTML, XML, e CSV
  • A informação das senhas pode ser exportada para vários formatos como TXT, HTML, XML e CSV.
  • O formato XML pode facilmente ser usado noutras ferramentas.
  • O Formato CSV é compativel com outros sistemas de guarda de senhas.
  • Outros formatos são suportados por plugins.
  • Importação de diversos formatos
  • O Keepass usa o formato CSV exportado por outros programas para fazer a importação.
  • O Keepass pode fazer a leitura e importação do formato TXT de outras ferramentas comerciais.
  • A versão 2.xx pode importar a partir de mais de 35 formatos.
  • Outros formatos poderão ser suportados através de plugins.
  • Fácil transferência da base de dados
  • A base de dados de senhas é constituída por um único ficheiro.
  • Suporte de grupos de senhas
  • As senhas pode ser agrupadas em pastas de forma simples
  • Os grupos podem ser organizados como uma arvore, com sub-grupos, etc.
  • Campos de Tempo e de anexos
  • O Keepass suporta campos de data de criação, data de alteração, ultima data de acesso e data de expiração
  • Podem ser anexados ficheiros às entradas das senhas (útil para guardar assinaturas PGP)
  • A versão 2.xx tem um potente editor de ficheiros de texto, imagem e documentos. Nem sequer é necessário exportar o ficheiros anexados para os ver ou alterar.
  • Escrita automática, Drag&Drop
  • O Keepass pode minimizar-se a si próprio e digitar a informação das entradas selecionadas em caixa de dialogo, formulários web, etc.
  • A sequência de escrita é 100% costumizável
  • Suporte de uma tecla global para fazer a auto-escrita.
  • Todos os campos podem ser “largados” por Drag&Drop noutras janelas.
  • Gestão do clipboard intuitiva e segura
  • Basta fazer duplo clique em qualquer campo que ele será copiado para o clipboard.
  • O clipboard é limpo ao fim de algum tempo para evitar utilizações abusivas.
  • Pesquisa e Ordenação
  • Podem ser feitas pesquisas por entradas específicas.
  • Pode ser feita a ordenação por qualquer coluna clicando na mesma.
  • Suporte Multi-língua
  • Existem cerca de 30 línguas diferentes suportadas
  • Podem ser acrescentadas com facilidade línguas adicionais
  • Gerador de senhas fortes
  • O Keepass tem capacidade de gerar senhas fortes.
  • Pode ser definido qual o comprimento e tipo de caracteres que o gerador pode usar.
  • O algoritmo de Randomização usa dados do teclado e do rato para a inicialização.
  • Arquitetura de plugins
  • Outras pessoas pode extender o Keepass escrevendo plugins.
  • Os Plugins podem extender a funcionalidade do Keepass como novos métodos de importação e exportação.
  • Existem diversos plugins disponíveis na pagina: Para Backup e sincronização, Integração e transferência, Utilitários, Importação, Exportação, Métodos alternativos de encriptação, Automação, etc.

Dica:

Uma das formas de usar o Keepass é por exemplo colocá-lo numa drive partilhada tipo Dropbox ou Google Drive e a partir daí o ficheiro com as senhas pode ser acedido e atualizado a partir de qualquer lado.